Banner-Feliz-Natal-2018

Logo será Natal, o marco inicial de uma proposta de que o Amor deva prevalecer em todas as intenções do ser humano. Um momento de contemplação, de pausa, de resgate de lembranças e de agradecimento.  Só assim terá valido a pena a vinda do Cristo.

Olhando para o tempo decorrido que antecede esse momento, é possível identificarmos inúmeras tarefas que realizamos em benefício do todo. Alguns desafios nos foram impostos a título de motivação, todos com foco no essencial.

Podíamos fazer aqui uma retrospectiva dos eventos do ano que finda, que são dignos de menção, mas vamos olhar para o que nos espera em 2019, que exigirá de todos nós muita energia para enfrentarmos esse mundo globalizado e digital, onde as mudanças se processam numa voraz velocidade sem precedentes.

Um mundo dominado por algoritmos, uma era onde a informação, ao nos aproximar, pode permitir grandes conquistas, grandes alianças com a Maçonaria Universal, mas, com iminentes riscos e efeitos colaterais.

A partir das revelações do jovem Edward Snowden, ex-analista da Agência de Segurança Nacional dos Estados Unidos, que mostrou detalhes sobre o sistema de segurança norte-americano, o mundo digital cerca-se de medidas protetoras, proporcionais à sua velocidade, influenciando o comportamento das pessoas, a ponto de deixar o “Big Brother 1842”, do George Orwell, infinitamente pequeno.

O mundo está mudando drasticamente, e nós? A Maçonaria precisa discutir a respeito desses avanços tecnológicos para seu próprio benefício.

“Se quisermos que tudo permaneça como está, então é preciso que tudo mude.” (Maquiavel).

Que o conteúdo das Sessões Econômicas das nossas Lojas possa despertar o interesse pela participação do maior número de Irmãos, permitindo-lhes discursos, conversas, à troca de formação de opinião e, nem um pouco menos, a convivência fraterna naquele breve tempo em que estão reunidos; que seja prazeroso estar presente; que a pauta da Ordem do Dia observe um planejamento prévio, elaborado com a participação de todos, que o pertencimento seja a tônica capaz de agregar em torno de um objetivo único.

Que a virada de ano sirva também para agradecermos o empenho de todos que estiveram ao nosso lado, motivando-nos, dando-nos força para vencermos os desafios; trabalhando, enfim, fortalecendo cada vez mais nossa Grande Loja de Santa Catarina.

Por último, mas não menos importante, agradecermos a nossas famílias que abdicaram do nosso convívio para permitir que cada um de nós cumprisse sua obrigação de trabalhar, no seu aperfeiçoamento pessoal, a fim de se engajar na grande luta em prol da humanidade.

Um Feliz Natal e um Ano Novo, tão promissor quanto aos nossos esforços.

Flávio Rogério Pereira Graff
Grão-Mestre
“Conhecer-se e Aperfeiçoar-se”